Uma homenagem ao trabalhador doméstico

Afinal, amanhã é o Dia do Trabalhador

Dia Internacional dos Trabalhadores ou Festa do Trabalhador.

Ao mesmo tempo, uma data comemorativa internacional.

Nós, do CasaeCafe.com queremos celebrar e homenagear em especial os trabalhadores domésticos.

Afinal, eles são parte fundamental do nosso negócio.

Portanto, a base da família CasaeCafe.com

Trabalhador doméstico: em nosso nome e dos milhares de clientes hoje queremos agradecer!

Quem trabalha fora e não tem tempo para cuidar das tarefas domésticas,

Com certeza, sabe do valor de um bom profissional doméstico.

Seja para lavar, passar, limpar a casa, cozinhar,

Assim como cuidar das crianças, dos idosos, do jardim

Entre tantas outras tarefas importantes e diárias,

O importante serviço prestado por empregadas domésticas, babás,

Cuidadores de idosos, faxineiras, lavadeiras e passadeiras é essencial na vida das famílias!

Trabalhador doméstico: gratidão pelos bons aromas que ocupam os cômodos, da cozinha ao banheiro.

Agradecemos por cuidar com carinho e zelar pela casa de todos os clientes do CasaeCafe.com

Assim como, por ordenar tudo, sendo um elo participante da família que você ajuda a manter.

Por preparar a comida que sacia a fome e aquece os corações!

Trabalhador doméstico: sempre presente

É como se tudo nas casas onde trabalham guardasse um pouco do seu vestígio,

A mobília silenciosamente agradecesse por toda a atenção recebida.

Agradecemos pelos recados anotados, pelas boas vindas às visitas.

Assim como o cuidado amoroso com os mais novos e idosos.

Todo o nosso profundo reconhecimento pelos mimos e preparativos extras!

Trabalhador doméstico: a profissão

O trabalhador doméstico vem conquistando seu espaço e fazendo valer seus direitos.

Tudo começou com o reconhecimento e legalização deste profissional, em 1972 (Lei 5859/72)

Entretanto só foram ampliados com a Constituição de 1988.

Assim como, a possibilidade de ter direito ao FGTS só foi possível a partir de 1999.

Trabalhador doméstico: seus direitos
  • Salário mínimo fixado em lei;
  • Irredutibilidade salarial;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social devidamente anotada;
  • 13º Salário;
  • Repouso semanal remunerado, preferencialmente aos domingos;
  • Feriados civis e religiosos;
  • Férias de 30 dias remuneradas;
  • Estabilidade no emprego em razão da gravidez;
  • Licença à gestante, sem prejuízo do emprego e do salário;
  • Auxílio-Doença;
  • Licença paternidade de 5 dias corridos;
  • Vale transporte;
  • FGTS (benefício opcional);
  • Seguro-desemprego (somente para empregados incluídos no FGTS).
Trabalhador doméstico: números

O Brasil tem aproximadamente 12 milhões de empregados domésticos,

Este número que representa mais de 10% de sua população economicamente ativa.

As mulheres predominam nesta atividade, representando mais de 90% dos trabalhadores domésticos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *